sábado, 26 de março de 2011

Matéria ESPECIAL - Virtual Boy







Comemorando o lançamento do NINTENDO 3DS vamos conhecer a história do primeiro portátil 3D da NINTENDO, o Virtual Boy.


Desconhecido por muitos, por muitos mesmo, o VIRTUAL BOY, lançado pela Nintendo teve uma carreira curta e desastrosa. Em 1994, com Playstation e Saturn no foco da mídia, com o NINTENDO 64 nos laboratórios, a NINTENDO resolve anunciar o primeiro videogame portátil de 32-bits tridimensional da história. As primeiras informações eram desencontradas, um videogame portátil, OK! Mas ele era do tamanho de um capacete e para ser usado precisava estar apoiado em uma mesa, não podendo ser levado para todos os lugares.... portátil mesmo?....Bom, mas vamos continuar, ele usava seis pilhas AA, isso mesmo, um portátil que usa SEIS pilhas.... Mas algumas coisas eram interessantes, ele tinha um processador de 32-bits mesmo e processaria gráficos em 3D nuca visto antes, bom, ficamos aguardando.... Até que a NINTENDO começa a dar novas informações, os jogos teriam somente duas cores, vermelho e preto, se a tela fosse colorida o preço do portátil (?)   ficaria muito alto, e para piorar os videogame entrar em modo PAUSE automático a cada 15 minutos de jogatina, já que as lentes poderiam fazer mal a vista dos jogadores caso jogassem muito tempo seguido, o PAUSE automático durava 5 minutos e não era possível desativar isso, ou seja, a cada 15 minutos de jogo 5 de pausa.... Para piorar as pilhas ficava ligadas no controle, não no aparelho em si, logo, o controle se tornava extremamente pesado, era possível também jogar usando uma fonte externa, era só ligar esta fonte no controle, a fonte pesava 300 gramas......... Mas calma, muitos tinham esperança que o negócio poderia valer a pena, já que o criador do aparelho era Gunpei Yokoi, o pai do Game Boy. No final de 1994 as primeiras imagens de divulgação começaram a sair, o design do aparelho era estranho, e as telas dos jogos não eram nem um pouco atrativas.
Em Julho de 1995 o aparelho chega ao mercado, os games em seu lançamento eram TELEROBOXER (veja imagem ao lado), Mario Clash  e RED ALARM (uma espécie de Star Fox, só  que com aparência de versão beta de jogo), a resposta foi péssima, jogadores em imprensa rejeitaram completamente o aparelho, o efeito 3D causava náuseas, os jogos eram ruins e a pausa automática comprometia muito a jogabilidade (alguns games permitiam que a pausa automática fosse desativada). 
Pouco depois a NinTENDO lança Mario Tennis, Wario Land, GOLF e Vertical Force, jogos que não aproveitam em nada as características 3D do VIRTUA BOY, para piorar o NINTENDO parou de produzir jogos para o aparelho para se focar no desenvolvimento do NINTENDO 64.

Gameplay de Mario Tennis

Comercial do lançamento do console

Sem divulgação, com um preço alto para época (U$S 180,00) e com poucos jogos no mercado em Dezembro do mesmo ano a NINTENDO anuncia o fim do suporte ao VIRTUAL BOY, isso mesmo, com 5 meses de vida (a vida mais curta que um aparelho de videogame já teve na história), com somente 20 jogos lançados e com 770.000 aparelhos vendidos a NINTENDO encerrou a carreira de seu maior fracasso. O VIRTUAL BOY ganhou o “prêmio” de pior invenção eletrônica da história em 2006 pela revista TIME, mesmo assim, em razão das baixar vendas o videogame é considerado raridade, e é vendido por preços bem altos em sites de leilão. Veja abaixo algumas imagens dos jogos do ilustre desconhecido portátil da NINTENDO.

Mario Clash


Mario Tennis


Tetris 3D


Galact Pinball


Golf

Red Alarm
A cargo de curiosidade: O Virtual Boy foi o primeiro portátil 3D lançado, mas o primeiro protótipo anunciado foi o ATARI COSMOS, anunciado em 1984, ele usava o truque de duas telas sobrepostas para gerar o efeito de profundidade, mas devido aos custos de fabricação a ATARI cancelou o projeto. 


Matéria originalmente publicada em fevereiro e atualizada para o lançamento do 3DS.


Por ConstancioH

Conheça nossas matérias EXCLUSIVAS sobre o mundo dos games, clique aqui.
Quer receber sempre as atualizações das notícias? Siga-nos no Twitter - http://twitter.com/#!/MBgamenovo


Nenhum comentário:

Postar um comentário